A pior chefe

5.3.07


Por alguma razão obscura, me colocam a chefiar gente desde o meu primeiro emprego de jornalista (antes, fui vendedora numa loja. Pronto, falei). Deste primeiro flerte com o poder (cruzes), aos 21/22 anos, ficaram duas memórias nada lisonjeiras.

A primeira vem de uma ex-repórter que chefiei em O Sul. Ela foi pro Jornal do Comércio, onde trabalho hoje, feliz da vida por ter se livrado de mim. Um belo dia, quando ela soube que eu ia chefiá-la novamente, entrou em desespero. Triste.

A segunda vem de uma hoje grande amiga, a Carla. Ela lembra até hoje de quando fui chefe dela. Disse que eu fiquei no pé até ela fechar uma matéria. Quando vi que não ia mais dar tempo, mandei ela fechar o arquivo e disse que eu mesma ia terminá-lo. Ela conta que ficou furiosa. Mais triste.

Já no Terra, onde também fui déspota (porém, esclarecida), outros dois episódios lamentáveis se sucederam.

Um dia, devo ter infernizado tanto o redator, que ele saiu para o lanche e nunca mais voltou. Deixa eu dizer isso de novo: ele saiu para o intervalo de uma hora e não voltou mais. Só dois dias depois, pra acertar as contas.

De outra feita, um redator se demitiu e foi reclamar de mim no Recursos Humanos. Que horror.

No Jornal do Comércio, ainda não aconteceu nada deste tipo. Mas mandei um mail coletivo forçando os repórteres a lerem (e comentarem) no meu blog. Vão querer pagar pra ver?

5 comentários:

Cássia disse...

clá, sério, tu te orgulha disso? :-\

Lella disse...

bom, então tive sorte em te ter como chefe por 2 dias apenas! ;)
(sendo que em um dos dias eu passei mal e fiquei em casa)

clarissa disse...

bá, cássia, pior que não. morro de culpa.
mas se tu for ver, foram 4 problemas em mais de 40 pessoas que eu já devo ter chefiado. na média, fica bonzinho, né?

Cássia disse...

hahaha, adorei a tua lógica :-)

Thielli Bairros disse...

Bah, ainda bem que não fui citada!! Mas, na real, adorava quando tu era minha chefe... eu ria mais que escrevia...hehehe..Hoje eu sou chefe mas não consigo ser, entende? pra mim é difícil "botar pressão" nos outros... hahaha...bjos!! que bom que voltou!