as meninas do leblon

17.8.08

meu sonho por muito tempo foi usar óculos. e quebrar o braço - mas isso eu consegui rápido. os óculos, nada. faço exames anuais e to sempre com a vista perfeita. mas como explicar estranhos fatos que ocorrem comigo senão pela cegueira?
1995. um dia de semana à tarde. combino de sair com meu ficante fixo (ainda se diz ficante?), mas ele liga e desmarca porque precisa ficar em casa nesse dia. ok, vou pro colégio de tarde, pra ficar sem fazer nada. no fim do dia, no ônibus, ali está ele, sentadinho, perto da roleta. grof. o relato a seguir baseia-se exclusivamente na minha parca memória.
- oi. onde tu tava?
- ahn, no Centro.
- ué, tu não ia ficar em casa?
- ahn... não.
mas que cara de pau. olho bem pra cara dele pra reclamar de tamanha desconsideração e rolam butiás pelo corredor do ônibus. não é o cara. não é o cara. não é o. passo pra frente, sem dizer uma palavra. dizer o quê?
corta.
2008. sábado à noite. chego na festa à fantasia de uma amiga do trabalho. estranho, porque encontro meu amigo vicente fantasiado de mágico no local, já que a festa é fechada. mas vou até ele.
- oi! que tu tá fazendo aí? - abraço apertado.
- pois é, to aqui. - ele parece desconcertado. olho para a mesa. várias mulheres que pareceram desconhecidas. aceno. imagino que como o vicente é uma mala, ele deve estar ficando com uma delas e não quer apresentar a ex-namorada. ok, abraço de novo e vou pro bar. enquanto peço uma bebida, observo o cara de longe. como ele ficou novinho sem barba. e magrinho... ai.
não é o cara. não é o cara. não é o.
óculos. definitivamente, óculos.

7 comentários:

Marcia disse...

hahahahahahahaahahahahahaha...

Lella disse...

hahahahaha, cla, tu é a melhor! bem que o rodrigo disse que até pagaria pra ser teu amigo, só pra poder ouvir essas coisas. hahahaha

Larissa disse...

morri. e teve game com o vicente cover?

Rafa disse...

hahahahahah, morri muito... mas fico feliz, é nessas horas que penso que algumas coisas que acontecem comigo são meio normais (ou será q só nós é que colocamos a merda no ventilador hein clá?). Beijos

Anônimo disse...

HAHAHAHAH impagável, clá!!! bjo maricota

Anna Martha disse...

Ohohohohohoh. O cara realmente lembrava o Vicente mais novinho e mais magrinho, que eu também só conheço por foto. :P

Emiliano disse...

Atrasado e morrendo, putamerda.